Nakau - O Chocolate mais Puro do Mundo é da Amazônia.

Nakau – O Chocolate mais Puro do Mundo é da Amazônia.

Gastranomia e Humanismo Noticias +

Nakau – Chocolate Amazônico: 💝 É o Chocolate mais Puro do Mundo. Com até 72% De chocolate em sua composição e com conceito sustentável e matéria prima da região, a #Nakau produz o mais puro chocolate do mundo.

A Na’kau, que está incubada há dois anos, no IFAM (Instituto Federal do Amazonas), na Zona Leste de Manaus, é uma marca de Chocolates Amazônicos.

O nome é uma união.

Da primeira sílaba do nome da empresa “Na Floresta Alimentos Amazônicos” e da última sílaba da matéria prima do chocolate, cacau, em #TupiGuarani, isto é, #Kakau.

Toda a história começou em 2012.

Quando Coimbra foi para o tradicional festejo do cacau, no município de Urucurituba, distante 100 km de Manaus.

A partir de então, observando as necessidades dos produtores de cacau daquele município, notou que todo o cacau produzido em nosso estado era vendido à preços muito abaixo do mercado nacional.

E ali mesmo constatou.

Que o Amazonas não possuía nenhuma fábrica de chocolates, foi então que com o intuito de valorizar os produtos e produtores locais, começou a estudar sobre a cadeia produtiva daquele fruto e decidiu investir na área.

Como biólogo e com experiência de 10 anos

Em pesquisa e extensão rural na Amazônia e África pesquisou, estudou bastante, fez cursos em São Paulo, Bahia e na Venezuela.

E hoje.

A rimeira e única fábrica de chocolates do Amazonas, funcionando com matéria prima totalmente amazônica começou suas atividades faz menos de 3 semanas.

Nos primeiros anos

A empresa não tinha endereço fixo, o trabalho era feito com uma pequena máquina para testes em casa, só em 2014 que foi para a incubadora do Ifam e foram mais dois anos de pesquisas, espera de licenças e investimento em maquinários até começar a produção.

Fale Conosco

– Quer indicar uma Matéria ou econtrou um erro, por favor, entre em contato conosco, clicando aqui.

Você gostaria de ter um site como este⁉️

– Por favor, entre em contato com a Agência que nos doou este site, clicando aqui.

Gratidão !

Please wait...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *